A IMPORTÂNCIA DAS AULAS DE MÚSICA NAS ESCOLAS

  • Públio Gimenes, Co-autor orientador Faculdades Integradas Campos Salles
  • Gizele Andrade da Silva, Autora Prefeitura de São Paulo/ Faculdades Integradas Campos Salles.

Resumo

Este artigo tem como objetivo refletir sobre a importância das aulas de música nas escolas, como estratégia  na prática docente e sua contribuição no processo de ensino e aprendizagem que além de incorporar  elementos de ludicidade, do brincar, da interação social, do trabalho colaborativo, permite ao professor também trabalhar o currículo de forma diferenciada e motivadora. Concluiu-se que a música é um dos componentes das inteligências múltiplas: inteligência musical que estimula e desenvolve habilidades e competências que melhoram o desempenho do aluno em outras disciplinas curriculares.

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Públio Gimenes é Mestrando em Fonoaudiologia PUC-SP, pós-graduado em Fisiologia Integrada à Voz Artística CEV (Centro de Estudos da Voz), graduado em Musicoterapia (FMU). Cantor lírico/Teatro Musical, Voice Bilder e Vocal Coaching.

##submission.authorWithAffiliation##

Gizele Andrade da Silva é bacharel em Desenho Industrial pela Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2008 e Licenciada em Artes Virtuais pelo Centro Universitário de Belas Artes em 2011 e Pós-Graduada em História da Arte pela Universidade são Judas Tadeu em 2010. É professora de Ensino Fundamental I e II, trabalha na EMEF Coronel Ary Gomes.

Referências

Base Nacional Comum Curricular. Disponível em Consultado em 18/Nov./2017.

BARBOSA, A. M., John Dewey e o ensino de Arte no Brasil, 3.ed.rev.e aum.-São Paulo:Cortez,2001

BECHARA, E. C., Dicionário Escolar da Academia Brasileira de Letras : Língua Portuguesa, São Paulo: Companhia Editora Nacional,2011.
Dicionário etimológico online, Disponível em: . Consultado em 14de Nov/2017.

BECKER, F., A epistemologia do professor- O cotidiano da escola. Petrópolis: Vozes, 1993

CAETANO, M.C., GOMES, R. K., A importância da música na formação do ser humano em período escolar , Educação em Revista, Marília, v.13,n.2,p.71-80.Jul-Dez., 2012. Disponível em www.bjs.unesp/revistas/index.php/educacaoemrevista/article/viewFile/3287

CAMPBELL, L., CAMBPELL, B., DICKINSON, D., Ensino e Aprendizagem por meio das Inteligências Múltiplas, 2.ed. trad. Magada França Lopes – Porto Alegre:Artes Médicas Sul,2000.

CARRARO, G., Música e educação – o contrabaixo e a bossa [ recurso eletrônico]: uma perspectiva histórica e prática, Ebook - Passo Fundo: Projeto Passo Fundo,2011. Disponível em http://www.projetopassofundo.com.br. Acessado em 17/nov./2017.

Introdução aos PCNs (Parâmetros Curriculares Nacionais) Brasília, MEC,1997. Disponível em < http://portal.mec.gov.r/seb/qrquivos/pdf/livr01.pdf

Lei das Diretrizes e Bases da Educação nº 4024/61 - Acessado em 16/nov./2017.

Lei de Diretrizes e Bases da Educação n° 5692/71. Disponível em . Acessado em 17/Nov./2017.

Lei de Diretrizes e Bases da Educação. Disponível em < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03leis/L9394.htm> Acessado em 17/Nov./2017.

Lei 11769 de 18 de agosto de 2008. Disponível em Acessado em 18/nov./2017

SILVA, W. L., Música na Educação Básica: Desafios e Possibilidades De Na Formação de Professores Não Especializados, Revista Eletrônica Pró-Docência, UEL. Edição N°2, Vol.1, jul-dez 2012. Disponível em Acessado em 19/Nov./2017
Publicado
2019-04-20
Como Citar
GIMENES, Públio; SILVA, Gizele Andrade da. A IMPORTÂNCIA DAS AULAS DE MÚSICA NAS ESCOLAS. Revista de Pós-graduação Multidisciplinar, [S.l.], v. 1, n. 6, p. 103-110, apr. 2019. ISSN 2594-4797. Disponível em: <https://www.fics.edu.br/index.php/rpgm/article/view/849>. Acesso em: 02 dec. 2021. doi: https://doi.org/10.22287/rpgm.v1i6.849.