Inserção de Atividades Lúdicas como Estratégia Pedagógica no Contexto Escolar

  • Maria da Fátima Basso Andreazzi
  • Simone Seixas Picarelli Faculdades Integradas Campos Salles

Resumo

O presente artigo tem o objetivo de apresentar uma reflexão sobre a inserção das atividades lúdicas no contexto escolar, entendidas como ferramentas de auxilio no processo de ensino-aprendizagem. O intuito é, assim, de proporcionar uma ferramenta para melhorar o desenvolvimento dos alunos, em geral, dos alunos que possuem dificuldades de aprendizagem, em especial. A presente pesquisa possui caráter bibliográfico, de modo que se procura reunir autores que discutem o assunto, expondo uma visão direcionada de cada autor.

##submission.authorBiography##

##submission.authorWithAffiliation##

Doutora em física pela Universidade de São Paulo (USP) e professora das Faculdades Integradas Campos Salles.

Referências

BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria de Educação Fundamental. Referencial curricular nacional para a educação infantil. Brasília, 1998. v. 2.
BROUGÈRE, Gilles. Jogo e educação. Tradução Patrícia Chittoni Ramos. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998.
BROUGÈRE, Gilles. A criança e a cultura lúdica. Disponível em . Acesso em: 02 jul. 2017.
BRUNER, J. Juego pensamento y lenguage. Perspectivas, vol. XVI, n. 1, 1986. Disponível em . Acesso em 02 jul. 2017.
DOHME, V. Atividades Lúdicas na Educação: o caminho de tijolos amarelos do aprendizado. Rio de Janeiro: Vozes, 2009.
FRIEDMANN, A. Brincar, crescer e aprender: o resgate do jogo infantil. São Paulo: Moderna, 1996.
LOPES. M. G. Jogos na educação: criar, fazer, jogar. 4 ed. São Paulo: Cortez, 2001.
MAKARENKO, L. P. Natação: seleção de talentos e iniciação desportiva. Porto Alegre: Artmed, 2001.
OLIVEIRA, Zilma de Moraes Ramos de (org). 2000. Educação infantil: muitos olhares. 4.ed. São Paulo: Cortez.
PIAGET, J. A. Formação do Símbolo na Criança: imitação, jogo e sonho, imagem e representação. Rio de Janeiro: Zahar, 1978.
______. A psicologia da criança. Ed Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1998.
SANTOS, E. A. do C. O lúdico no processo de ensino aprendizagem. 2010. Disponível em . Acesso em: 30 mai. 2017.
VAN DER VEER, R; VALSINER, J. Vygotsky: uma síntese. São Paulo: Unimarco, 1996.
WADSWORTH, Barry. Jean Piaget para o professor da pré-escola e 1º grau. São Paulo, Pioneira, 1984.
VYGOTSKY, L. S. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 2007.
Publicado
2017-06-30
Como Citar
ANDREAZZI, Maria da Fátima Basso; PICARELLI, Simone Seixas. Inserção de Atividades Lúdicas como Estratégia Pedagógica no Contexto Escolar. Revista Acadêmica Integra/Ação, [S.l.], v. 1, n. 1, june 2017. ISSN 2594-4878. Disponível em: <https://www.fics.edu.br/index.php/integraacao/article/view/543>. Acesso em: 02 dec. 2021.