O Papel do Estado, dos Docentes e da Família na Constituição de uma Educação Inclusiva

  • Emerson Vicente da Silva, Prof. PMSP
  • Miriam Esperidião de Araújo, Profa. FICS; Faculdade Estácio; Instituo ABCD;

Resumo

O objetivo deste artigo é fomentar a discussão sobre a educação inclusiva com foco na educação especial de alunos que possuem necessidades educacionais especiais. A abordagem adotada para esta pesquisa foi a qualitativa, por meio de pesquisa bibliográfica nas bases de dados da Scielo, no período de 2016 a 2017, em português. Além disso, foram incluídos capítulos de livros de autores de referência no assunto e legislações de âmbito federal. Foi possível perceber que a escola, muitas vezes, acaba promovendo a segregação, ao invés da inclusão. Assim, a educação inclusiva na perspectiva dos direitos humanos, apresenta como elemento central o combate à exclusão dentro e fora do cotidiano escolar. As legislações e documentos que tratam da educação especial e inclusiva são marcos importantes para a garantia dos direitos de todos à educação. No entanto, é papel do Estado oferecer os recursos e materiais pedagógicos adequados, investir na capacitação dos professores e na adaptação dos espaços físicos das escolas para contribuir com a efetivação das propostas da educação inclusiva no Brasil. Além disso, concluiu-se que a formação continuada dos docentes torna-se fundamental para que estes possam utilizar estratégias pedagógicas favoráveis ao desenvolvimento de todos e promover um trabalho conjunto com as famílias.


Palavras-chave: Educação Inclusiva. Educação Especial. Formação docente. Legislação.

##submission.authorBiography##

##submission.authorWithAffiliation##

Especialista em Gestão Escolar na UNICID. Docente para o Ensino Superior pela UNINOVE, e em Ensino Lúdico na  UNICID. Licenciado em Pedagogia pela UNICAPITAL. Professor de Ed. Infantil e Ens. Fundamental I efetivo na Prefeitura de São Paulo, exercendo o cargo de Assistente da Direção da Escola desde 12/2015.

Referências

BRASIL. Lei FEDERAL nº 9394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília, 1996.
_______. Ministério da Educação. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Brasília, 2008.
CAMARGO, Elder Pires de. Inclusão social, educação inclusiva e educação especial: enlaces e desenlaces. Revista Ciências & Educação. Bauru, v. 23, n.1, p. 1-6, 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ciedu/v23n1/1516-7313-ciedu-23-01-0001.pdf. Acesso em: 21/04/2017.
ESPANHA. Declaração de Salamanca, de 10 de junho de 1994. Sobre Princípios, Políticas e Práticas na Área das Necessidades Educativas Especiais. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/salamanca.pdf. Acesso em: 10/02/2017.
MADER, Gabriela. A Participação dos Pais na Reabilitação da Pessoa Portadora de Deficiência - Palestra na Reunião do Conselho de Administração da FENAPAEs, Brasília, Ed.Abril/1996.
MANTOAN, Maria Teresa Eglér. Inclusão Escolar: O que é? Por quê? Como Fazer? 1. ed. São Paulo: Ed. Moderna, 2004.
NUNES, Sylvia da Silveira; SAIA, Ana Lucia; TAVARES, Rosane Elizete. Educação Inclusiva: Entre a História, os Preconceitos, a Escola e a Família. Rev. bras. educ. espec. [online]. Marília, v. 22, n. 4, p. 1106-1119, Out./Dez. 2016. Disponível: http://www.scielo.br/readcube/epdf.php?doi=10.1590/1982-3703001312014&pid=S1414-98932015000401106&pdf_path=pcp/v35n4/1982-3703-pcp-35-4-1106.Pd f& lang=pt.Acesso em: 20 abr. 2017.
RAMOS, Rossana. Passos para a inclusão. 5. ed. São Paulo: Cortez, 2010.
TAVARES, Lídia Mara Fernandes Lopes; SANTOS, Larissa Medeiros Marinho dos; FREITAS, Maria Nivalda Carvalho. A Educação Inclusiva: um Estudo sobre a Formação Docente. Rev. bras. educ. espec. [online]. Marília, v. 22, n.4, p.527-554, out./Dez. 2016. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbee/v22n4/1413-6538-rbee-22-04-0527.pdf. Acesso em 21/04/2017.
UNESCO. Declaração Mundial sobre Educação Para Todos. Plano de Ação para Satisfazer as Necessidades Básicas de Aprendizagem. Tailândia, 1990.
Publicado
2017-06-30
Como Citar
SILVA, Emerson Vicente da; ARAÚJO, Miriam Esperidião de. O Papel do Estado, dos Docentes e da Família na Constituição de uma Educação Inclusiva. Revista Acadêmica Integra/Ação, [S.l.], v. 1, n. 1, p. 47-60, june 2017. ISSN 2594-4878. Disponível em: <http://www.fics.edu.br/index.php/integraacao/article/view/511>. Acesso em: 17 sep. 2021. doi: https://doi.org/10.22287/integraacao.v1i1.511.